sexta-feira, 7 de dezembro de 2007



É assim...


Que tu possas vislumbrar-me...mesmo nos becos escuros da minha alma,nos terrenos alagados das minhas lágrimas,no lodo imundo dos porões do "eu"...Que possa me arrebatar...do nojo,do medo,do desprezo,do desamor ...Que faça minha alma levitar para que eu possa cantar,o canto mudo dos inocentes!!


eLIZ@06/12/2007

Um comentário:

joao carlos disse...

Tive o imensurável prazer de conhecer essa linda amiga, infelizmente há poucos dias atrás apenas...ela é uma poetisa maravilhosa..não destacarei nem uma de suas poesias, pq todas são lindas... eu seria injusto tendo preferencias em obras maravilhosas... ahhh, como gostaria de musicar pelo menos uma... puxa amiga, sem palavras realmente... apenas... ENCANTADO!!!